terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Estudo das Potencialidades Turísticas do Município de Araruna-PB

Josevaldo Nobre Fialho Ribeiro (autor)
Prof. Dr. Nilton Abranches Jr. DGH/CH/UEPB (orientador)

RESUMO

O turismo, em sentido estrito, é uma atividade sócio-político-econômico-cultural recente no cotidiano das sociedades em geral, de maneira que se tornou um fenômeno que vem crescendo cada vez mais em todo o mundo. Dessa forma, muitas localidades buscam associá-lo paralelamente como um complemento para o desenvolvimento local, devido a sua capacidade de gerar riqueza nos lugares onde é implantado. O objetivo deste trabalho foi realizar um estudo sistematizado das potencialidades turísticas do município de Araruna-PB, com o propósito de identificá-las, fazendo um levantamento preliminar de seus atrativos, o que possibilitará ainda mais o fomento desta atividade no município e contribuirá para um futuro planejamento sustentável de suas ações. Assim, para a realização do trabalho, recorremos aos fundamentos da pesquisa qualitativa, ou seja, colocou-se o ambiente natural e cultural como fonte de todos os dados adquiridos, observando e descrevendo sistematicamente os atrativos neles contidos, como também utilizando o enfoque indutivo na análise dos dados. Após o compilamento destas informações, verificou-se que o município conta com um acervo de atrativos turísticos relacionados aos segmentos do turismo ecológico ou ecoturismo, turismo cultural e religioso, todos com possibilidades de funcionamento. Entretanto, sendo o município de Araruna propício à prática do turismo, o que se percebe é a falta de uma infra-estrutura básica necessária que permita a implantação dos projetos necessários, bastando apenas que a comunidade perceba o ambiente que a cerca, tornando-o, dessa forma, compatível com as políticas locais de sustentabilidade que o poder público venha a adotar.

PALAVRAS-CHAVE: turismo, desenvolvimento, sustentabilidade

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

O MUNICÍPIO DE GUARABIRA E SUA INSERÇÃO NA MESORREGIÃO DO AGRESTE PARAIBANO: “UMA RAINHA SEM TRONO”



(Autora) Claudete Pereira do Nascimento
(Orientador) Prof. Dr. Belarmino Mariano Neto (UEPB/CH/DGH)

Resumo

O estudo teve por objetivo analisar a inserção do município de Guarabira na Mesorregião do Agreste Paraibano, buscando desvendar a construção da idéia do título de “Rainha do Brejo”. Destacou-se assim o contexto geográfico em que está inserido a Microrregião de Guarabira e do Brejo Paraibano dentro da Mesorregião do Agreste Paraibano, na busca pela desmistificação do título “Rainha do Brejo” para Guarabira. O trabalho foi fundamentado sobre variadas leituras e observações diretas na busca de comparações dos fatores fisiográficos existentes entre as duas microrregiões consideradas. Ao se adentrar neste universo de comparações usando fontes bibliográficas, registros fotográficos das regiões analisadas e entrevistas informais com pessoas das duas microrregiões estudadas. Repensou-se as idéias levantadas nesta pesquisa de maneira a responder questionamentos socioculturais existentes que envolveram a construção do mito e a realidade fisiográfica e socioeconômica que compõe o município de Guarabira. A revisão bibliográfica e argumentações teóricas estiveram diretamente relacionadas aos autores locais como: Almeida (1997); Melo (1999); Moreira (1989); Carvalho (1982) e Rodriguez (2000 e 2002). Enquanto referência geral se trabalhou a partir de categorias geográficas como região e território a partir de: Rafestin (1993); Haesbaerst (2004) e; Souza (1995). A pesquisa foi realizada a partir de trabalhos de campo, com ênfase para a observação direta das áreas de Agreste/Brejo, considerando-se as rodovias estaduais e os elementos urbanos, rurais e ambientais dos municípios que estão circundados como do “Anel do Brejo”. O contexto geo-histórico foi fundamental para a desconstrução do mito de Guarabira enquanto “Rainha do Brejo”, pois mesmo que a cidade de Guarabira polarize as microrregiões circunvizinhas, não se pode considerar que seja a “Rainha do Brejo”, pois geograficamente não está inserido como fazendo parte dessa unidade microrregional.

Palavras-chave: Microrregiões, Guarabira, Rainha do Brejo

O território em pedaços e a formação microrregional de Guarabira – PB


Claudete Pereira do Nascimento
ORIENTADOR Prof. Dr. Belarmino Mariano Neto - DGH/CH/UEPB

RESUMO

A pesquisa enfoca o território na perspectiva geográfica, tendo como base a idéia de que o território ultrapassa os limites do espaço, consiste em relações de poder nas quais, tal poder é um fator determinante para a concretização do território. O objetivo com essa pesquisa foi analisar a idéia de fragmentação territorial tomando como base o município de Guarabira-PB e sua divisão distrital que foi ao longo do século XX passando por um processo de emancipação político-administrativa. Para tal, a pesquisa pautou-se na observação direta e levantamento documental demonstrando que Guarabira perdeu seis distritos, tornando-se estes municípios autônomos. A base teórica pautou-se em Raffestin (1993); Moraes (1990); Haesbaert (2004); Souza (1995); Moreira (1989), entre outros. Além da pesquisa documental, foi fundamental a análise de estudos teóricos sobre a noção de fragmentação territorial inseridas ao caso de Guarabira. Assim foi possível observar a fragmentação territorial de Guarabira no contexto de território, levando em consideração o território e suas relações de poder, relativos aos aspectos do processo de fragmentação.

Palavras-Chave: Território, fragmentação, Guarabira.

sábado, 10 de janeiro de 2009

Potencialidades turísticas para o desenvolvimento local da cidade de Alagoa Grande – PB

Potencialidades turísticas para o desenvolvimento local da cidade de Alagoa Grande – PB
LINHA DE PESQUISA: Geografia do Turismo
AUTOR (A): Cleones Lúcio Ferreira M. Lins
ORIENTADOR (A) Prof. Dr. Nilton Abranches Jr. DGH/CH/UEPB

RESUMO
O turismo é um fenômeno cuja importância vem crescendo no mundo contemporâneo. Contribuindo de forma direta para geração e ampliação de empregos, rendas, divisas e tributos; promove indiretamente a dinamização de diversos segmentos relacionados a este, assim como o crescimento de novas oportunidades de negócios e investimentos. Partindo dessas premissas, este pesquisa busca levantar as possibilidades turísticas para o desenvolvimento local da cidade de Alagoa Grande - PB, contribuindo para o maior desenvolvimento econômico, social e cultural, direcionando-a para um crescimento sustentável, impedindo a concentração de renda e a degradação do seu patrimônio. Para alcançar os objetivos desejados foram adotados os seguintes procedimentos operacionais para o desenvolvimento e êxito da pesquisa proposta, são eles: pesquisa e revisão bibliográfica e cartográfica; reconhecimento de campo: visita as áreas com potencialidades para prática do turismo; delimitação cartográfica e fotográfica das áreas; coleta de dados sobre os aspectos físico-geográficos, turísticos e socioambientais do local. Com o término da pesquisa podemos constatar que Alagoa Grande está enquadrada entre as cidades com um grande potencial turístico-cultural, pois possui uma variedade de atrativos, com belezas naturais, história, patrimônio arquitetônico, artesanato, eventos, trilhas, engenhos, rios e uma geografia apropriada para o turismo rural e ecoturismo, aliado ao cultural. Faltando apenas um maior investimento em infra-estrutura para o acolhimento dos turistas, planos de desenvolvimento que dinamizassem a atividade, treinamento de guias turísticos, enfim, que os órgãos competentes, juntamente com a iniciativa privada explorassem melhor suas potencialidades, gerando emprego e renda para a população.
Palavras chave: Potencialidade Turística, Desenvolvimento sustentável, Desenvolvimento local.