segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

DO TERRITÓRIO DE EXPLORAÇÃO AO TERRITÓRIO DE ESPERANÇA: EXPERIÊNCIAS DE CONQUISTA DA TERRA NO ASSENTAMENTO SANTA LÚCIA EM ARAÇAGI-PB E AS NOVAS RELAÇÕES DE TRABALHO

Imagem: Cipó entrançado - Mariano Neto, 2011.
Autores:
Diego Pessoa Irineu de França
Belarmino Mariano Neto
Cleityane Sabino Freire

 Resumo:

O Presente trabalho busca discutir o processo de apropriação do espaço por um grupo de assentados que ao conquistar a terra estabeleceram uma nova forma de organização territorial que por sua vez, propiciou uma reconfiguração nas relações de trabalho preexistentes. Essa forma de apropriação camponesa do espaço considerada como um processo de luta, tanto para a conquista da terra como para a permanência, 
entendemos como a conquista e ao mesmo tempo a construção de “territórios de esperança”. A pesquisa enfoca uma área de assentamento no Agreste Paraibano, município de Araçagi.

VEJA ARTIGO NA INTEGRA:
XII Jornada do Trabalho - CEGET
“A Dimensão Espacial da Expropriação Capitalista sobre os Mundos do Trabalho:
cartografando os conflitos, as resistências e as alternativas à sociedade do capital”
Curitiba, 05 a 08 de setembro de 2011 - ISSN - 978-85-60711-19-2

Nenhum comentário: