terça-feira, 15 de novembro de 2011

Da Utopia da Construção a construção do Sítio Utopia: a Agroecologia no Brejo Paraibano


Linha de pesquisa: Geografia Rural e Agrária (Meio Ambiente Rural)

Título: Da Utopia da Construção a construção do Sítio Utopia: a Agroecologia no Brejo Paraibano

Cleityane Sabino Freire (Autora) – Geografia - Departamento de Geo-História/CH/UEPB

Profº. Dr. Belarmino Mariano Neto (Orientador) -Doutor em Sociologia -Departamento de Geo-História/CH/UEPB

Profº. Ms. Carlos Antônio Belarmino Alves (Examinador)-Mestre em Educação-Departamento de Geo-História/CH/UEPB

Profª. Drª. Luciene Vieira de Arruda (Examinadora)- Doutora em Agronomia -Departamento de Geo-História/CH/UEPB





RESUMO: O estudo parte da agroecologia enquanto ciência tendo como objetivo analisar as demandas agroecológicas praticados por agricultores familiares do Brejo paraibano. Assim, foi observado o surgimento de iniciativas de desenvolvimento rural, enfocando o território e o espaço Paraibano. As discussões teóricas acerca do tema, além de caracterização da área de estudo e o espaço geográfico enquanto fomento teórico-conceitual se apoiou em diversos autores entre eles: MOREIRA (1979), PRIMAVESI (1990), SANTOS (2005), ALTIERI (2002), MARIANO NETO (2006). A metodologia de observação participante e entrevistas semi-estruturadas buscou sistematizar os enfoques agroecológicos no Brejo Paraibano e em Alagoa Nova/PB Considerou-se como norte da pesquisa à construção da “utopia ativa” e atribuiu-se ao Sítio Utopia, um elemento dessa rede de enfoque agroecológico que surgiu em 1992 na Microrregião do Brejo paraibano. Essa área é considerada o “celeiro” da agricultura paraibana, merece relevância ao apresentar como fatores contribuintes os aspectos naturais e culturais, logo é predominantemente rural e demonstra também aspectos relativos a monoculturas comerciais. O foco da pesquisa veio enquanto proposta “utópica” de observar um espaço voltado à produção ecológica, fruto dessa construção foi estruturado o Sitio Utopia. Assim, a valorização dos recursos locais, e neste sentido o desenvolvimento da agricultura ecológica apontou para o resgate das práticas tradicionais do processo produtivo, manejando, disseminando e construindo novos desenhos da agricultura ecológica no Brejo Paraibano.


Palavras–Chave: Agroecologia, Sítio Utopia, Território;

Nenhum comentário: